Autor Sesc

Abertura do Sesc Amazônia das Artes 2019

No último sábado dia 04 de maio, o Sesc Rondônia iniciou na cidade de Ji-Paraná, um dos maiores e mais potentes projetos de fomento direcionado à cultura da região amazônica, o “Sesc Amazônia das Artes” que consiste na circulação de espetáculos de dança, música, teatro, circo, exposições de artes plásticas, mostras de cinema, ações de literatura e atividades formativas. Em seus doze anos de existência, o projeto possibilitou que centenas de artistas amazônicos, escoassem suas obras nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, que compõem a Amazônia legal. E o Piauí, estado convidado por se aproximar da realidade dos outros nove.

Na noite do lançamento, na unidade do Sesc Clementina, o projeto apresentou o espetáculo musical “Minha Ancestralidade” com a cantora Nega Lu e a banda constituída por Wilson Barbosa de Oliveira, Lucas Mello de Oliveira, Weslley Henrique Ribeiro Dourado, Leandro Rodrigues Ladeia, Lênin Pillar Corrêa e José Carlos Lagos da Silva.

Nascida em Rondonópolis no Mato Grosso, Nega Lu iniciou sua carreira musical na igreja. Após ter uma longa experiência como contrabaixista nas noites de sua cidade, a cantora participou de diversos programas e concursos locais e nacionais, sendo a primeira colocada no quadro NOVOS TALENTOS e BEM MATOGROSSO. Desde então, Nega Lu faz apresentações com o grupo intitulado “Banda da Nega” levando um repertório eclético por todo Estado mato-grossense.

Poucas vezes os ouvidos do Brasil deram a devida atenção às vozes negras de suas mulheres, que há décadas, vem soando tão majestosamente negra, na representação de grandes cantoras como, Joaquina Lapinha, Jovelina Pérola Negra, Clementina de Jesus, Elza Soares, Dona Ivone Lara, Zezé Motta, Alcione, Lia de Itamaracá, Sandra de Sá e tantas outras que são referências e motivação para outras vozes negras da contemporaneidade.

Minha ancestralidade, espetáculo apresentado pela mato-grossense Nega Lu, traz em seu primeiro momento uma representação de sua memória, que de forma poética e branda desperta a atenção do público para assuntos históricos relacionados a realidade do negro no Brasil. Entrelaçadas a uma partitura afro, as letras de sua autoria prende a atenção de todos numa narrativa que expõe e nos convida a refletir assuntos muitas vezes deixado pra depois. “O que fazer se existe alguém do lado precisando de você?” e “Eu tenho orgulho da minha raça e da minha cultura”, são duas das muitas frases do espetáculo que igual ao som de um eco longo, fica ecoando em nossas mentes. Afinal essa é a proposta da artista que ao criar, Minha Ancestralidade, buscou “revisar, interrogar e reexaminar os eventos históricos” dessa ancestralidade que não é algo particular de Nega Lu e sim de todos que se fizeram presentes, independentemente da cor da sua pele. Na segunda parte, fomos presenteados por músicas que falavam de amor, assim nos possibilitando vislumbrar da extensão e multifaces do trabalho de Nega Lu, que encantou o público de Ji-Paraná que a anos adotou o projeto Sesc Amazônia das artes, permitindo assim, contemplar espetáculos tão significativos, que despertam o senso crítico, para uma reflexão do si e da realidade que os permeiam.

Texto: Fabiano Barros – Dramaturgo

Fotos: Raissa Dourado

Comitiva Sesc visita municípios de Rondônia

Representando o Sesc e o Diretor Regional Osvino Juraszek, o Diretor de Programas Sociais João Daniel Neto, juntamente com o Presidente Raniery Araujo Coelho, o Vice-Presidente da Fecomércio Gladstone Frota e conselheiros, realizam está semana uma comitiva pelas unidades do Sesc, Senac e prefeituras dos municípios do Estado. Os representantes já compareceram às unidades de Vilhena e Presidente Médici. As visitas visam mostrar para a sociedade e para o poder público a importância que o sistema Fecomércio-Sesc-Senac-IFPE possui em gerenciar os recursos advindos do comércio de bens, serviços e turismo em prol do desenvolvimento dos municípios do Estado de Rondônia.

Nota de pesar

O Sesc, em nome do presidente do sistema Fecomercio – Sesc – Senac – IFPE, Dr. Raniery Araujo Coelho, lamenta profundamente o falecimento da pequena Bárbara, aluna de tres anos do Grupo 1 Manhã do Sesc Escola Porto Velho/RO.

Transmitimos nossos sentimentos aos pais e aos demais familiares, professores, colegas pela perda precoce.

Assessoria de Comunicação Sesc

Exposição Paiter Suruí (Gente de Verdade)

Começa dia 29 de abril e vai até 25 de maio a Exposição Territórios Paiter Suruí (Gente de Verdade) na Galeria de Artes do Sesc Centro. A abertura do evento ocorrerá às 16h e contará com Fala institucional Sesc, Fala do Gasodá Suruí, Exposição de Artesanado – Povo Karitiana, Canto do Cacique Pagé – Cizino Karitiana e Pintura corporal. A exposição também visa divulgar a participação dos Paiter de Cacoal e Karitianas de Porto Velho na circulação Nacional do projeto Sonora Brasil 2019/2020 cujo tema é A MÚSICA DOS POVOS ORIGINÁRIOS DO BRASIL

Sesc Amazônia das Artes 2019

Em 2019 o Projeto Sesc Amazônia das Artes realizará sua 12º edição, contribuindo na circulação e intercâmbio da produção cultural da região Amazônica. Participam do projeto os Departamentos Regionais dos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins – Estados que compõe a área que corresponde a Amazônia Legal – tendo ainda o Departamento Regional do Piauí como convidado, em virtude da identificação com o cenário social e cultural da região, e também sua proximidade geográfica. O Sesc Amazônia das Artes é uma importante rede de intercâmbio das artes e da cultura, que pretende ultrapassar a indispensável ação de divulgar os trabalhos, mas se desafia também a criar laços, fortalecer a criação artística, dar visibilidade para as potencialidades estéticas que aparecem “do lado de cá” do país, encontrar respostas criativas e alternativas para as dificuldades encontradas, como a do custo amazônico e a escassez de políticas públicas. Nos últimos 11(onze) anos, o projeto obteve resultados importantes adquirindo ampliações, observando fatores externos e adequações necessárias ao seu melhor desenvolvimento. A cada ano vem agregando novos valores e, para sua 12ª edição, com as contratações locais que farão parte da programação da Mostra, as alterações propostas fortalecerá a mediação, o intercâmbio e a conexão entre os artistas e o artista com o público, visto que esse projeto é uma referência para os artistas dos regionais que o compõem.

Em Rondônia o evento acontece na cidade de Ji-Paraná numa realização do Sesc Ji-Paraná com apoio da Prefeitura Municipal e Fundação Cultural de Ji-Paraná e terá o Teatro Dominguinhos como principal local de apresentações. A unidade Sesc Clementina também será palco para as atividades do Projeto. Confira abaixo a programação

04.05
Minha Ancestralidade – Negra Lu. MT (música)
Local: Sesc Clementina
Horário: 19h
Classificação: Livre

05.05
Boxe com Palhaçada. AM (circo)
Local: Sesc Clementina
Horário: 17h
Classificação: Livre

06.05
Recital Mormaço – Elizeu Braga. RO (literatura)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: 14 anos

06.05
Oficina: Encontro Motivacional através da
Linguagem Clown.
Grupo: Boxe com Palhaçada AM
Local: Fundação Cultural
Horário: 9h
Classificação: 16 anos

07.05
Trio Chamote. PA (música)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: Livre

08.05
Anima Trama. PA (dança)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: Livre

09.05
Kanarô. AC (teatro)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: 12 Anos

10.05
Miolo de Pote em Cantigas e
Versos. MA (literatura)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: 14 anos

10.05
Negra Mari. RO (literatura)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: livre

11.05
Poema Sonoro Palavr(arma)dura. AP (literatura)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 16h
Classificação: livre

12.05
Sobre Azares futuros. MA (teatro)
Local: Sesc Clementina
Horário: 19h
Classificação: 16 anos

13.05
Pinóquio e Gepeto ao sabor do vento. PI (teatro)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: Livre

14.05
Mi Clamor. RR (dança)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: Livre

15.05
Cerrado Novo. TO (música)
Local: Teatro Dominguinhos
Horário: 20h
Classificação: Livre

Copa Sesc em Presidente Médici

Copa Sesc de Esportes do Sesc em Presidente Médici/RO terá início no próximo dia 26 de abril na quadra da Unidade à partir das 19h30. O evento reunirá as modalidades FUTSAL, FUTEBOL DE 7 (no campo), VOLEI DE AREIA, TÊNIS DE MESA. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 24 de abril na unidade do Sesc. No mesmo dia haverá às 20h o congresso técnico.

Mais informações:
SESC PRESIDENTE MÉDICI – (69) 3471-1111/ 99200-6166
Rua Santos Dumont, 3665 – Lino Alves Teixeira
Facebook Sesc Presidente Médici Rondônia
E-mail: sescpm@gmail.com

Domingueira de Páscoa

Local: Sesc Campestre

Venha participar de um Domingo especial de Páscoa!!! Tomar banho de piscina, curtir música, jogos de salão, trilha, vôlei de areia, futebol de campo e natureza exuberante. Participe da CAÇA AOS BRINDES DE PÁSCOA e muitas outras atrações para toda família.

Entrada gratuita e com acesso à piscina liberada para trabalhadores do comércio e dependentes com cartão Sesc atualizado. Valor para o público geral: R$15,00.

Informações:

Recreação Sesc (69)3229-6006 ramal 224

Sesc Partituras

A música brasileira, certamente é uma das maiores riquezas da nossa nação, e a música de tradição escrita, desembarcada em nossas terras com a advento da chegada dos colonizadores. Os espaços destinados a este tipo de música sempre foi restrito, e de difícil acesso as camadas menos favorecidas da sociedade, resultando na redução de públicos de apreciadores e detentores do conhecimento deste gênero musical e esse comportamento em relação a música de concerto, deu-lhe status elitista. O Sesc Partituras resgata e preserva a memoria e as obras de vários compositores brasileiros, oportunizando aos músicos contemporâneos, estudantes e pesquisadores terem acesso as partituras das músicas disponibilizadas na rede mundial, pelo site: http://www.sesc.com.br/portal/site/SescPartituras/home/inicio favorecendo, assim, o acesso e conhecimento das obras. Aportando a execução dessas obras por meio de concertos de cunho didático com caráter formativo, promove e democratiza o acesso à música de câmara consolidando público e ouvintes. A execução, apreciação e fruição da música de concerto requer conhecimento, teóricos musical e práticos instrumental, além de histórico, filosófico, histórico crítico e histórico social da parte de quem compõe, interpreta e aprecia. Para desenvolver estes campos do conhecimento o projeto oferecerá oficinas musicais com ações de desenvolvimento musico-educacional, técnico-instrumental, e educação dos sentidos, trazendo luz às produções deste gênero musical. Nesta primeira sessão de 2019, o projeto traz um repertório voltado composições para a flauta transversal demonstrando parte de obra de: Patavio Silva, Diego Zangado e Flavio Fonseca. Para interpretar as obras convidamos os Flautistas Paulo Humberto e Mauricio Rodrigues, músicos da capital que têm uma vasta atuação como instrumentistas difusores da arte de tocar flauta transversal, além, de atuarem no campo educacional musical, que serão acompanhados por Leonel Almeida ao violão e Lltisia Moreno ao piano.

Laboratório Cultural – Formatação de projetos e captação de recursos

O Laboratório Cultural é um projeto multilinguagens da coordenação de cultura, com a proposta de oferecer ações formativas nas 05 linguagens artísticas (artes cênicas, artes visuais, audiovisual, música e literatura). Por laboratório, entendemos um espaço de construção coletiva, abarcando pesquisas, experimentações e processos de criação artísticos. Nesta etapa receberemos a oficina de Iniciação Teatral para Adolescentes e Criação Literária.

INSCRIÇÕES NAS OFICINAS PELO LINK:
encurtador.com.br/wIPQX

Oficineiro: Jânio Gonçalves
Local de realização da oficina:
Teatro 1 Sesc Esplanada
Horário: 18h às 22h
Quantidade de vagas: 30
Período de inscrições: 27/03/2019 a 05/04/2019

Dia do Desafio | 29.05

A 25ª edição da maior campanha mundial de incentivo à prática de atividades físico-esportivas acontecerá em 29 de Maio.

ATUALIZADO! LANÇAMENTO ESTADUAL RONDÔNIA:

No próximo dia 04 de maio acontece o lançamento do Dia do Desafio em Rondônia. O evento visa informar aos coordenadores dos municípios as regras e formas de movimentações no Dia do Desafio. Além disso a ideia é promover a integração entre os municípios inscritos neste evento que tem como objetivo o incentivo à prática de atividades físico-esportivas. São aguardadas as presenças de Prefeitos, Secretários de Municípios, Coordenadores Dia do Desafio, Líderes de Bairro, Academias, Empresas e público em geral. O lançamento será no Sesc Clementina, Av. Edson Lima Nascimento, 4036 – Jorge Teixeira – 2º Distrito das 9h às 13h.
Mapa

Baixe o folder institucional em PDF

O #DiaDoDesafio é uma disputa entre cidades para estimular a adoção de hábitos mais saudáveis. Mais do que competição, a campanha busca promover integração e cooperação.

Em 2018, apresentamos o Desafio Trienal – 2018 a 2020. Com o objetivo de proporcionar uma participação ainda mais qualificada, foram sorteadas duplas de cidades que se tornaram competidoras e parceiras por três anos. O resultado irá contemplar tanto os números conquistados por cada cidade, como a somatória de seus esforços.

As atividades do #DiaDoDesafio são desenvolvidas pelas prefeituras, em parceria com instituições públicas e privadas e contam com a participação de toda a sociedade.

Fique atento às novidades e prepare-se. O Dia do Desafio é um convite ao movimento!

Site oficial:
https://www.diadodesafio.org.br/

Escola Sesc de Ensino Médio abre processo seletivo para 2020

Estudantes de todo o país podem se candidatar. Instituição oferecerá bolsas para estudo em período integral no Rio de Janeiro.

Rio de Janeiro, abril de 2019 – De 8 de abril a 3 de maio, a Escola Sesc de Ensino Médio, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, estará com inscrições abertas para o ano letivo de 2020 em seu site www.escolasesc.com.br/inscricoes2020. Há 160 vagas para ingresso no 1º ano do Ensino Médio, a serem preenchidas, sendo 82 para estudantes de todos os estados da federação brasileira, em regime residencial, e 78 destinadas a estudantes do Rio de Janeiro, no regime de externato. Os estudantes selecionados terão bolsa de estudo integral com validade para os três anos consecutivos, respectivamente nas 1ª, 2ª e 3ª séries do Ensino Médio, com cobertura das despesas relativas a instrução, livros didáticos e alimentação.

Para candidatar-se é necessário já ter concluído ou concluir o Ensino Fundamental até dezembro de 2019, além de ter nascido entre 01 de janeiro de 2004 e 31 de dezembro de 2006. As vagas serão preferencialmente destinadas a candidatos que sejam dependentes dos trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo, e que apresentem renda familiar bruta igual ou inferior a três salários mínimos (nacional). Também há prioridade para candidatos que sejam estudantes regularmente matriculados nas escolas da rede de ensino do Sesc ou que, ao longo da vida escolar, tenham cursado ao menos dois terços do ensino fundamental em escolas públicas ou na condição de bolsista integral (100%) em escola privada.

Após a avaliação da inscrição e documentos exigidos, os estudantes aptos a participar do processo seletivo farão provas objetivas de matemática, português, ciências da natureza e ciências humanas, bem como de redação. A aplicação do exame acontecerá simultaneamente em todo o país, no dia 28 de julho de 2019. Os aprovados também passarão por uma entrevista que integra a última fase do processo seletivo. A relação final dos candidatos aptos à vaga será divulgada a partir das 18h (horário de Brasília) do dia 22 de novembro de 2019, no site da Escola.

Sobre a Escola Sesc de Ensino Médio

A Escola Sesc de Ensino Médio está instalada em campus de 131 mil metros quadrados, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, e conta com uma das melhores estruturas de ensino do país, incluindo Espaço Cultural, laboratórios, biblioteca, ateliers de arte, complexo esportivo, piscina semiolímpica, sala de ginástica e musculação, restaurante, além de vilas residenciais para estudantes e professores.

Inaugurada em 2008, é uma instituição de ensino integral totalmente gratuita, que atende alunos de todos os estados do país. Oferece atividades extracurriculares e o que há de mais moderno em equipamentos e tecnologia. Os estudantes são acompanhados por professores, tutores, coordenadores pedagógicos e orientadores educacionais, garantindo-lhes assistência individualizada e mediação permanente para aprendizagem.

Os estudantes do Rio de Janeiro, que chegam pela manhã e retornam às suas residências no fim do dia, têm direito a café da manhã, almoço e lanche matinal e vespertino. Já os estudantes residentes, também têm todas as refeições asseguradas pela instituição, incluindo o jantar.

Mais Informações: CDN Comunicação | 21. 3626-3700 André Sant´Anna: andre.santanna@cdn.com.br / 21. 3626-3710 Fátima Gomes: fatima.gomes@cdn.com.br / 21. 3626-3724 

Sesc Encontro de Contrabaixistas

Na Música brasileira, seja vocal ou instrumental o contrabaixo ou qualquer outro instrumento com função de baixo desempenha duas funções principais: a rítmica e a harmônica. Nos últimos cinquenta anos, no contexto da música instrumental urbana no Brasil, o contrabaixo elétrico e acústico, apresentaram mudanças significativas em sua tecnologia, amplificação, maior liberdade na criação e improvisação ao se livrar da imposição da marcação do ritmo. Essa conquista de liberdade lhes possibilitou a partir a realização de outras atividades no espectro musical, tais como, solos, improvisos e linhas de acompanhamentos mais elaborados. O Sesc Encontro de Contrabaixistas traz ao palco as composições, interpretações e improvisos dos contrabaixistas Alexandre Negreiros, Alan Prestes, Eliéser Costa, Paulo Araújo e Jesse França, músicos da nossa região, que por meio da música instrumental urbana brasileira trarão um recorte dos produtos da música instrumental, arranjos e interpretações, valorizando a ação do fazer musical e demonstrando a pluralidade da cultura musical do Brasil. O projeto ainda, oferecerá o desenvolvimento de experimentações com os artistas participantes e duas oficinas de contrabaixo elétrico: ritmos brasileiros no Contrabaixo e práticas de escalas como auxílio à performance musical. Segue abaixo a programação dos dois dias.

Programação

04/03

• Oficina
Ritmos brasileiros no Contrabaixo
Oficineiro – Prof. Paulo Araújo
Horário: 14h – 18h
Local: Teatro 1 do Sesc Esplanada
Vagas Limitadas

• Experimentações
Horário: 18h30 as 21h30
Mediador – Adson Nascimento
Local: Teatro 1 do Sesc Esplanada

05/03

• Oficina
Práticas de Escalas como auxílio à
performance musical
Oficineiro – Prof. Alexandre Negreiros
Horário: 14h as 18h
Local: Teatro 1 do Sesc Esplanada
Vagas Limitadas

• Shows dos Contrabaixistas
Horário: 20h
Local: Teatro 1 do Sesc Esplanada